terça-feira, 15 de outubro de 2019

Notícias

Guarapuava sedia sexta edição do Muticom Diocesano

Dezenas de pessoas da diocese de Guarapuava e de outras dioceses do Paraná marcaram presença no encontro. “Comunicação e Igreja no mundo em mudança”, foi o tema trabalhado.

07/10/2019 14:58:00


De 04 a 06 de outubro, a Pastoral da Comunicação (Pascom) da diocese de Guarapuava, promoveu a sexta edição do Mutirão Diocesano de Comunicação (Muticom). O tema deste ano, foi: “Comunicação e Igreja no mundo em mudança”. O evento foi realizado na Casa de Líderes Nossa Senhora de Guadalupe, no bairro Santana.

Dezenas de pessoas da diocese de Guarapuava e de outras dioceses do Paraná, participaram dos três dias de trabalho. O evento foi assessorado pelo padre João Carlos de Almeida (SCJ), mais conhecido por padre Joãozinho. O sacerdote, que há muito evangeliza pelas redes sociais, falou da importância de levar a palavra de Deus a todas as pessoas, nas mais remotas distâncias através dos meios de comunicação disponíveis e acessíveis à comunidade. Padre Joãozinho destacou o rádio como um dos meios que possui total capacidade de convergência e interação com outros meios e veículos.

“Desde que surgiu, o rádio sempre teve a capacidade de interagir com outros veículos de comunicação, ampliando assim, sua capacidade de penetração junto às mais diversas e remotas populações e comunidade. Nesses tempos onde a velocidade da comunicação é muito alta, não se pode perder tempo falando daquilo que não leva a boa nova de Jesus. É necessário que nós, seres humanos, com capacidade nata para a comunicação, estejamos sempre atentos às mudanças, para que possamos nos manter inseridos neste contexto. Como o tema deste encontro nos sugere: nosso mundo está em mudanças. Essas mudanças podem ser benéficas ou maléficas, de acordo com nossa condução. Precisamos conduzir as coisas, principalmente a Palavra, com leveza, com verdade e muita responsabilidade”, sublinhou padre Joãozinho.

Para o bispo de Guarapuava, Dom Antônio Wagner da Silva, a cada edição do Muticom, nota-se um maior interesse pelas temáticas, e pela interação das pessoas enquanto membros de uma Igreja que deve estar sempre pronta para levar adiante a palavra do Senhor.

“Vivemos um momento muito bonito na comunicação do mundo, pois podemos chegar a muitas pessoas com certa facilidade. Mas ao mesmo tempo, este momento requer cuidado e atenção. Comunicar por quê? Comunicar para quem? São perguntas que requerem muita reflexão e entendimento. Falar de Jesus Cristo nunca foi tarefa fácil. Passar a mensagem correta, tampouco. Mas como cristãos, devemos estar empenhados nesta missão de comunicar. Precisamos seguir em frente sem perder de vista nosso sentido principal, que é a evangelização”, considerou Dom Wagner.

Integrantes da agência de comunicação Adora, promoveram uma oficina com o tema: “Fotografia religiosa e espaço litúrgico”. O encontro ainda contou com oficinas de produção de conteúdo para redes sociais, transmissões ao vivo através da internet, podcasts e programas de rádio.