Notícias

Mais de setenta pessoas participam do 1º Seminário da Campanha da Fraternidade do Regional Sul 2

O evento em nível regional foi realizado na Casa de Líderes Nossa Senhora de Guadalupe, em Guarapuava e reuniu leigos e representantes de Pastorais e Movimentos de todo o Paraná.

11/12/2017 18:17:00


Pela primeira vez, a diocese de Guarapuava sediou o Seminário da Campanha da Fraternidade em nível regional. Mais de setenta pessoas das arquidioceses, dioceses e comunidades do Paraná participaram do evento.

O encontro de dois dias foi realizado na Casa de Líderes Nossa Senhora de Guadalupe, bairro Santana, em Guarapuava. O padre Luiz Fernando da Silva, secretário executivo da Campanha da Fraternidade (CF) em nível nacional foi um dos palestrantes e discorreu sobre o tema da CF deste ano: “Fraternidade e Superação da Violência” e lema: “Em Cristo Somos todos Irmãos” (Mt. 23,8).

O delegado da Polícia Civil do Paraná, Ítalo Biancardi Neto, também proferiu uma palestra no seminário com foco no tema da CF. O delegado explicou sobre as vantagens de se denunciar a violência em qualquer situação que seja. Segundo ele, a partir do momento em que se faz a denúncia formal, muitas providências podem ser tomadas com proteção da vítima. Ele também destacou como feliz a escolha da CNBB em falar abertamente do assunto e de chamar a atenção da sociedade para este tipo de crime que, conforme ressalta, por muitas vezes, passa despercebido ante os olhares de muitos.

Religiosos, autoridades e leigos debateram a temática que figura como um dos grandes problemas em nível mundial.

Conforme o coordenador do Seminário, Rozalino Ramos, o encontro cumpriu com seus objetivos e possibilitou a abertura de um novo canal de discussão junto à comunidade como forma de trazer à luz a questão da violência. Ele também enfatiza que por muitas vezes, por vergonha ou medo por parte da vítima o assunto passa despercebido ante a maior parte da sociedade. “A qualidade do evento nos enche de alegria e mostra que estamos no caminho certo em discutir amplamente este assunto que é horrível e que assola nossa sociedade. Os conferencistas que trabalharam no seminário são pessoas de alto nível de conhecimento e dominam a temática por estudo e vivência. Os participantes saíram das palestras com muito conteúdo que, a partir de agora, passam a ser disseminados nas comunidades com os encontros da Campanha da Fraternidade de 2018”, sublinhou o coordenador.

Pela localização geográfica de Guarapuava em nível estadual (centro do Paraná), a cidade foi eleita para sediar a o Segundo Seminário da Campanha da Fraternidade, que deverá ser realizado em dezembro de 2018, para discutir o tema da CF de 2019, que abordará o tema: “Políticas Públicas”. “Por unanimidade, ficou definido que Guarapuava sediará a segunda edição do seminário da Campanha da Fraternidade. O evento deve ser realizado no final de 2018, para discutir o tema a ser trabalhado em 2019. Na ocasião, vamos tratar de Políticas Públicas. Eu considero este início de trabalho como de grande valia, pois pudemos constatar que além da Igreja, todos da sociedade estão muito interessados nesta temática. De acordo com o que foi discutido, é preciso que a mudança ocorra dentro de cada cidadão e que a consciência seja aguçada em todas as épocas”, considerou Rozalino.

O Primeiro Seminário da Campanha da Fraternidade em nível regional teve o apoio e assessoria da Ação Evangelizadora da diocese de Guarapuava, através do bispo Dom Antônio Wagner da Silva  e dos padres Itamar Abreu Turco e Sercio Ribeiro Catefesta, além da aprovação do Regional Sul 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), através do assessor da instituição no Estado, padre Mário Spaki.

Durante os dois dias de encontro houve espaço para que os participantes questionassem e debatessem os temas através de dinâmicas de grupo. Ao final dos trabalhos, os presentes avaliaram como de extrema importância para o crescimento próprio e social a realização de seminários desta natureza.

Galeria de Fotos